Tanto ao Nível Como nas Profundezas do Mar, Deus Atende a Oração Sincera

Tanto o capitão do navio, que tinha Jonas como passageiro fujão e o Rei de Nínive, clamam por misericórdia de Deus e dizem que talvez Deus mude a aplicação da sentença sobre eles. Jonas que ao ser jogado no mar, reconhecendo seu erro, é levado para as profundezas do mar por um grande peixe preparado por Deus. Dentro deste se arrepende, clama sinceramente e espera que Deus o livre, o que de fato acontece. Não importa onde estamos ou como estamos, se humildemente buscamos o socorro em Deus, Ele ouve nossa súplica. Porém certo é que é muito mais fácil clamar a Deus ao nível do mar do que nas profundezas do mar, ou seja, é muito mais fácil clamar a Deus quando o perigo está para acontecer do que quando o perigo já aconteceu. A questão é: Deus não deseja que nenhum homem se perca.
(Clique para assistir o vídeo)

Não Podemos Fugir de Deus

Não adianta querer fugir de Deus. Jonas tentou em vão, eu e você também não podemos. Deus havia dado a Jonas uma missão, mas Jonas se recusou a fazê-la, fugindo na direção oposta em um navio. Porém Deus que está no controle de todas as coisas e sabe tudo, envia uma tempestade que ameaça afundar o navio. Os tripulantes com medo suplicam cada qual ao seu deus, menos Jonas que confessa adorar o Deus Criador dos céus e da terra e se diz culpado daquela situação. Desta forma ele é jogado ao mar, porém não fica sem socorro, Deus que é soberano manda um grande peixe para engolí-lo.
(Clique para assistir o vídeo)

Jonas – O Chamado e Fuga de Jonas – Parte 2

Jonas queria fugir para o mais longe possível. VOCÊ TAMBÉM ESTÁ FUGINDO? ACHA QUE PODE? Até quando?

Google+
SEO Toronto